12
Fev
11

Yaris 1.4D4d 2003 – o melhor e o pior…

Continua igual a si próprio, ao cabo de 135000Km.
Económico, fiável, pequeno por fora, grande por dentro.
Grande companheiro.

(já tinha este post como rascunho desde o inicio do ano)
Tudo verdade até dia 1 de Fevereiro quando

Depois de um episódio isolado de piscar a luz da temperatura uma vez num outro dia (sem quaisquer outros sintomas), voltou a ligar a piscar.
Já tinha andado uns 30 Km, normalíssimo, e depois esteve parado. Quando começou a andar, pouco mais de um minuto ou dois depois (sempre a subir) acendeu a luz da temperatura de novo. Já foi direito para oficina.
Resultado, junta da cabeça do motor queimada, embora a cabeça tenha sido testada e está OK.
Entre bomba de água, termostatos, desmontagem e montagem de tudo, rectificação, descarbonização, kit de embraiagem (que entretanto viu-se já dar mostras de que viria a ceder), tubos dos injectores, velas de incandescência, radiador, oleos motor e caixa e sei lá mais o quê ainda com desconto de 100 euros só em mão de obra, foi uma conta de 1700 e tal euros…

Anúncios

2 Responses to “Yaris 1.4D4d 2003 – o melhor e o pior…”


  1. 1 Salomão
    Dezembro 6, 2012 às 7:49 pm

    Deve ser esse o tempo, a cima dos 135 e até os 150, pela mesma razão, ou seja, o termostato e a bomba de água. o que acho que deviam fazer era uma coisa muito simples, informar a quem compra que deve mudar essas peças aos 100 e assim evitavam estas situações desagradáveis onde um carro passa de BESTIAL a BESTA em pouco tempo e depois ouvem-se comentários que os Yaris têm este problema. Passei pelo mesmo logo após ter feito no concessionário a revisão dos 150.000km. Se em alguns modelos se informa que a correia de distribuição deve ser mudada a uma determinada kilometragem emuda quem quer e arrisca quem quer, da mesma forma esta informção seria muito útil principalmente a quem ZELA OS SEUS CARROS.

  2. 2 Mac
    Junho 26, 2013 às 12:40 am

    Carissimo, tenho tb um d4d, mesmas características, a entrar nos 300.000km e so agora começou com os sintomas do aquecimento. diagnosticado o problema, trocada a colaça, velas de incandescência e mais umas coisas…. 350euros e no more problems!! mas mal me apercebi do ‘piscar’ da luz de temperatura, tratei logo de o deixar na oficina pra me resolverem o problema… e não necessitei de trocar todas essas peças nem foi sequer foi pra esse valor a minha reparação… e ainda com a eterna vantagem de os nossos yaris terem motores de corrente e não de correia de distribuição…


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: